Batwans beek

Estou estudando Batwans beek da Warda. A original mesmo! Nada daquelas versões moderninhas.

Peguei a versão original que é imensa e linda e maravilhosa e perfeita e puft: editei. Fiquei com uma música deliciosa com um tempo super curtinho de 03:21. Agora Warda, minha musa, ficou possível de ser dançada. Que coisa deliciosa, hein?

A questão é que essa bendita música tem o poder de me tomar e, ao mesmo tempo que isso é perfeito, é louco porque minha intenção era criar uma coreografia, mas eu simplesmente não consigo coreografar essa música porque cada vez que a escuto, meu corpo segue sozinho, levado pela emoção dela e acabo não conseguindo colocar um pouquinho de razão pra coreografá-la! Ela, simplesmente, manda em mim!

Mas estamos aqui, ficando íntimas pra, quem sabe, virarmos uma só. Minha intenção é deixar ela mandar em mim até a hora em que puder virar o jogo para que, num terceiro momento, possamos estar quites.

Quero dançar Warda. Eu preciso fazer isso! E pra terminar bem redundante: ô coisa boa é música boa, gente!

Anúncios

Sobre lorymoreira

Baiana, blogueira e apaixonada por música e dança árabe!
Esse post foi publicado em Uncategorized e marcado . Guardar link permanente.

2 respostas para Batwans beek

  1. Maga disse:

    Olá,

    Acompanho o seu blog, e gosto bastante dos textos.
    Fiquei interessada em conhecer a musica, e tentei procurar em algum sitio para ouvir, mas não consegui…. pena
    Essa música está em qual CD?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s