Montando sua videoteca

Outro dia uma menina me escreveu pedindo sugestão de dvds de dança do ventre para comprar. Ela queria começar a montar a sua videoteca e não sabia por onde começar.

Achei bacana ela ter pedido ajuda nisso e fiquei imaginando que muitas meninas que estão começando agora a fazer aulas de dança do ventre podem ter a mesma dificuldade, então, resolvi fazer esse post para dar uma mãozinha.

Meu primeiro dvd, por exemplo, foi um treco terrível – Divas (Bellydance Superstars). Tinha nada mais, nada menos, que umas 6 coreografias da tosca da Rania e de outras bailarinas de caráter técnico e expressivo duvidoso. Como eu era bem ignorante na dança do ventre, passei alguns meses tentando descobrir se aquelas sujeitas eram ruim mesmo ou se meu senso crítico estava excessivamente apurado.

Então, a minha dica, pra quem quer começar a adquirir dvds de bailarinas de dança do ventre, é começar pela nata da dança oriental, por aquilo que é raíz mesmo. É bem legal também ter dvds de bailarinas nacionais (a Lulu Sabongi é a maior referência nesse sentido). Mas a Lulu, a Soraia, a Fátima Fontes – todas elas, beberam da fonte da dança egípcia, então, por que não começar também por aí?

Vou começar com 5 dicas bem preciosas e que ajudaram no meu entendimento da dança do ventre. Depois eu posso fazer um segundo post com outras indicações. Por ora, vamos a esses aqui:

01. Souher Zaki – Sweet Star os Cairo

Esse dvd é um show da bailarina oriental mais amada de todos os tempos.: a Souher Zaki Apesar da edição ser terrível e da aparência da Souher não ser das melhores, esse dvd é uma fonte de estudos inesgotável. É pra beber cada gotinha.

Com a Souher aprendi que delicadeza e força caminham lado a lado. “A primeira vista, sua dança parece leve, fluída, mas depois de um tempo, a gente começa a reparar na força de seu ventre, nas finalizações de redondos com contrações. Sua leitura musical é uma delícia de ver. Ela é quem comanda a orquestra, ela capta a atenção do público, ela é sensacional. Sou bem tiete. Deu pra reparar, né?

02. Fifi Abdo – The Egyptian Star

Esse não pode faltar em sua coleção. Um show completo da rainha do baladi, Fifi Abdo. Toda sua irreverência, seu poderoso quadril e sua presença cênica indescritível! É interessante demais ver o domínio de palco dessa mulher. Não tem nenhuma igual a ela.

03. Nadia Gamal – The Legend

Taí uma baita bailarina que toda aspirante de dança oriental precisa conhecer. A gente fala e vê muito pouco Nadia Gamal, mas ela é fundamental pra gente entender as diferenças entre a dança egípcia e a libanesa. Sua força, seu vigor e seu astral são elementos que me captaram desde a primeira vez que a vi. Simplesmente linda e apaixonante.

04. The Legends of Bellydance

Esse dvd é um bálsamo para os olhos e eterna fonte de estudos! Aqui encontramos performances das bailarinas da era preto & branco como a fofíssima Taheya Carioca e a eterna apaixonada Samia Gamal, além de momentos lindíssimos da Nagwa Fouad, Souher Zaki e Fifi Abdo.

Estudar as bailarinas da fase P&B é fundamental. Eu indicaria a coleção “The Stars of Bellydance”, mas pra quem está começando, pode ser um pé no saco porque a qualidade das imagens é bem ruim – diferente deste dvd aqui, que tem uma edição bem feita, imagens limpas e nitidez.

Se você gostou desse, creio que o próximo passo é mesmo comprar a coleção “The Stars of Bellydance”. São dvds específicos de passagens de filmes da Samia Gamal, Taheya Carioca e da Naima Akef, além de 2 volumes  com bailarinas variadas – “The Great Unknown”.

05. Dina in Monte Carlo

Acho que a Dina não poderia faltar nessa primeira lista. Eu sei que nem todo mundo gosta dela. Assistir esse dvd a primeira vez é um tremendo susto, mas, com o tempo, você começa a ver além da roupa de mau gosto e da cara de dor de barriga. Fique atenta, ao estudar esse dvd, à leitura que a Dina faz da música, às marcações que ela faz com o quadril, ao envolvimento dela com o público. Eu gosto, mas você pode não gostar. De qualquer forma, é bom conhecer e ter esse material. Um dia, quem sabe, você não consegue descobrir a beleza da dança da maluquete da Dina?

E vocês, meninas, recomendariam que dvds para uma iniciante começar a montar sua videoteca? Dê seu palpite!

Beijocas!

Anúncios

Sobre lorymoreira

Baiana, blogueira e apaixonada por música e dança árabe!
Esse post foi publicado em Uncategorized e marcado , . Guardar link permanente.

16 respostas para Montando sua videoteca

  1. Lucy disse:

    Oi, linda!

    Eu recomendaria o DVD da Michelli Nahid. Apesar de ser brasileira, a alma dela é muito egípcia! E deixaria Saida para beeeem mais tarde…hehehe!

    Beijos!

  2. Vivi disse:

    Bem flor, acho que para quem começa, os da Lulu são a melhor pedida, pela didática (clareza nas explicações + exemplos em seguida são mais fáceis de serem apreendidos). Eu penso diferente de vc, acho que assistir as egípcias logo de cara pode cansar, porque exige um conhecimento maior na técnica e destrinchar o que elas fazem é mais complicado p/ quem inicia. Recomendaria esses vídeos depois de uns 6, 7 meses na dança, época em que os passos principais e as variações básicas já foram apresentados.
    Lembrei de uma coisa lendo esse post… Meu primeiro vídeo didático foi a Claudia Cenci. Didática zero.E eu devorava! kkkkkkk

    • lorymoreira disse:

      Aí, Vi… não sei. Acho legal e tenho todos os vídeos da Lulu que a Khan el Khalili lançou em dvd. Comprei os originais mesmo. Gastei uma dinheirama na época, mas não sei se são os melhores pra quem está começando. Mas falo a partir de minha perspectiva. Só fui ver Souher Zaki com quase 1 ano de aula e fiquei tão apaixonada de poder ver uma egípcia que não conseguia parar de assistí-la. Eu já tinha visto Lulu, mas não é a mesma coisa. Naquela época, achava meio chato e não conseguia acompanhar as aulas. Acho que vídeo-aula, pra quem está começando, é mais difícil pq vc não tá vendo o quadril da criatura ali, sabe? Não dá pra parar e perguntar: como é mesmo que vc faz? Enfim… pra mim, vídeo-aula foi meio frustrante nessa primeira fase.
      Quanto ao VHS da Claudia, eu tb tive. Assim, sem comentários… um troço bem maligno fazer alguém conseguir assistir aquele treco. Gosto da dança dela e tals, mas… em vídeo-aula, não dá.

  3. Laurinha disse:

    Vale também não recomendar? Baixar eu já baixei vários, mas os dois únicos que comprei me arrependi. Se valer não recomendar, eu não recomendo o dvd de um show do Tony Mouzayec (antes do boom da internet era o que mais tinha, né)… A qualidade é péssima, o palco é minúsculo e das quatro bailarinas algumas não são lá essas coisas…
    Também não recomendo o didático da Claudia Cenci, volume 1. Acho que ela dança muito bem, mas o dvd não vale a pena, mesmo pra iniciantes. Quem nunca fez aulas não consegue acompanhar e pra quem já fez é basicão demais e dança mesmo quase não tem, é só execução de passos básicos.

    Abçs

  4. Verinha disse:

    Oi Lory!!

    Ahhahha, o meu primeiro DVD também foi o “Divas” ahahah… mas eu achava o MÁXIMO! Obviamente é uma porcaria sem tamanho.

    Eu tenho uma lista bem diferente da sua, só manteria a Nadia Gamal.

    Das nacionais, eu gosto muito, mas muito mesmo dos DVDs da Carlla Sillveira, são os melhores didáticos nacionais e batem de punho fechado nos didáticos da Lulu. De apresentações, não é segredo pra ninguém que amo a Michelli Nahid, a Mahaila, a Camélia, Claudia Censi…

    Um dos DVDs que adquiri recentemente e que estou amando loucamente é o da apresentação “Origens” – qualidade de cinema MESMO, e a apresentação final feita pela Shalimar, Hayat, Lulu e Michelli Nahid não deixa dúvidas do motivo pelo qual essas bailarinas fazem muito sucesso.

    Das antigas “I´m all about Najwa Fouad” e Azza Sherif. Tem uma coletânea que vendem por aí (e eu tenho) que tem a Nelly, Sohair Zaki, Najwa Fouad e Azza Sherif – pra mim é o melhor DVD de estudos que se pode ter.

    As vídeo aulas da Raqia também são muito boas, muito embora a qualidade do vídeo é uma MERDA.

    E não podemos esquecer jamais de Mahmoud Reda – Long life to the King!

    Beijins

    • lorymoreira disse:

      Bem lembrado, Veroca: Mahmoud Reda é obrigatório. Mas tenho uma ressalva: espera completar 6 meses de dança. Aquele excesso de rodopios e ballet podem te deixar louquinha. A Azza Sherif é maravilhosa, mas é bem difícil de achar material à venda. Também gosto dos dvds da Carlla. Em termos didáticos, são bem melhores que o da Lulu, mas não posso dizer o mesmo das apresentações que escalam eles.

    • Camila disse:

      Onde posso adquirir esses DVD? Alguns site especializado?

  5. LuArruda disse:

    menina, to gostando cada vez mais de vir aqui. Beijo enorme! e salve a Bahia!!
    🙂

  6. Vivi disse:

    Mas vídeo nunca, em tempo algum, vai substituir a professora. A proposta da vídeoteca é ser um reforço no aprendizado, não é? Então. A Lulu tem uma série de vídeos (3), voltadas especificamente p/ iniciates, ao meu ver,super recomendados p/ quem inicia. Acho super importante mostrar a dança das egípcias classiconas desde o começo sim, mas, na minha opinião, a intervenção da professora ainda é necessária nessa fase, pois ela clareia o entendimento de uma dança mais densa, como é a dessas bailarinas, ao destacar um ou outro aspecto da técnica (o que seria mais difícil p/ uma iniciante compreender sozinha). Eu também amo a Fifi, mas acho complicado recomendar o estudo solitário de um DVD dela p/ uma aluna que tenha 3 meses de dança. Sim, concordo com vc que assitir as clássicas antigonas é essencial e deve ser feito desde o começo. Mas com enfoques diferentes tendo em vista o grau de aprendizado: num primeiro momento, na perspectiva de ícones representantes da dança oriental, e num segundo momento, quando o corpo já estiver mais familiarizado com o vocabulário da DV, como estdo da técnica.
    É isso, minha flor. 🙂

  7. Nossa, fechei contigo, baby! Recomendo também aquela compilação de vídos da Naima Akef feita pelo Hossam Ramzy. Aquilo também é basico. Outro importante, pelo menos para mim, é aquele show da Amani nos EEUU. Tô tosca e preguiçosa hoje pra buscar os nomes, mas tá dado o pitaco.

    • lorymoreira disse:

      É o Amani around the world. Também acho ele essencial, mas não quis pôr nessa primeira leva. A Amani é doida demais para a compreensão de quem está começando na DV.

  8. Ana Cristina disse:

    Oi Lory,
    Eu deixei prá comentar tarde e as meninas já comentaram. Acho que quando te perguntam sofre DVDs são estudantes e querem algo básico/intermediário e em português heheheh!!!

  9. Karina disse:

    Olá Lory.

    Gostei das dicas, muitas delas eu não conhecia e vale a pena conhecê-las para poder ter realmente uma visão da dança egípcia. Você sabe como posso conseguir esses dvds com um valor de custo reduzido? e aonde posso conseguir?

    • lorymoreira disse:

      Karina, comprar esses dvds originais é bem complicado porque vc precisaria fazê-lo através de sites internacionais, tem um cartão de crédito internacional e… algum dimdim. Mas existem diversas pessoas que vendem cópias desses materiais. Agora eu não teria ninguém para lhe indicar, mas você pode tentar pesquisar via orkut. Atente-se para perfis com depoimentos e investigue direitinho a procedência da criatura. Na hora de comprar, escole só um, pra testar mesmo se vai dar tudo certinho. Depois, dando certo, vc investe mais. Tomara que vc consiga!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s