Sobre a Mostra de final de ano

Não é preguiça de postar. É que minha vida não está um mar de rosas e tem sido difícil encontrar motivação para escrever.

Enquanto a motivação não chega, vou fazer que nem a Ró e deixar umas curtinhas por aqui, na tentativa de afastar as teias de aranha:

* Tem Mostra de dança da escola que faço aula no dia 18 de Dezembro. A idéia era que eu dançasse uma coreografia em grupo, uma dupla e meu solo….

* A coreografia de grupo vai rolar. Está uma gracinha. É com aquela música “Ya Msahar Ainy” do Ramy Ayach que eu já adorava antes da Cris inventar de coreografá-la. Eu não sou melhor bailarina com coreografias. Acho que fico meio robótica, mas estou me esforçando para ser, pelo menos, uma robótica charmosa. Vamos ver no que vai dar!

* Bom, como toda coreografia em grupo que se preze, inventamos de fazer figurinos iguais. Esse lance de coreografia de grupo com cada uma com uma roupa diferente, me desanima. Não fica esteticamente bonito. Não tem impacto. Como mulher junta nunca decide, saí e comprei os tecidos. Eu mesma escolhi o modelo, a cor, etc. Agora é rezar pra que todo mundo goste. É aquela coisa: democracia demais, as vezes só mangueia o balacobaco.

* Bem, aí tem a danada da dupla. Eu e Conceição inventamos que queriamos coreografar “The Ubiquitous Mr Lovegrove” do Dead Can Dance. Mas a gente se encontrou muito pouco, a música é muito grande e acho que não vai rolar dessa vez. No fundo, nem achei ruim porque teriamos que fazer outro figurino e eu não tenho mais de onde tirar dinheiro.

* Meu solo… então, desde Julho que sabia que vai ia essa Mostra e, desde lá, que escuto música árabe, mas n-a-d-a me animava. Combinei com Cris que, não me empolgando com nada, reeditaria um shabi que dancei no ano passado. Mas daí inventei de cavar meus cds velhos e tive um reencontro maravilhoso com o “Super Belly Dance with Farid el Atrache Vol. 2”. Bom, e lá vou eu dançar com música cheirando a naftalina novamente: a belíssima Ma Alli Wa Oultilou. Vai ser improviso. Tenho escutado ela religiosamente 3 vezes ao dia, no mínimo. Experimentado possibilidades, também. Mas vou no improvisão. Faz bem ao meu coração.

* Pra ficar mais animado, deve chegar, por esses dias, uma roupinha nova que encomendei. Tipo assim: guardei dinheiro 12 meses pra comprar essa bendita. Sabe a roupa dos sonhos? Pois bem, ela está chegando…

Beijão e bom final de semana!

Anúncios

Sobre lorymoreira

Baiana, blogueira e apaixonada por música e dança árabe!
Esse post foi publicado em Uncategorized e marcado , . Guardar link permanente.

6 respostas para Sobre a Mostra de final de ano

  1. julimoreira disse:

    Música com cheiro de naftalina é ótima! Dou “super-apoio” e não esquece de separar meu ingresso pq vou querer ir. Bjs!

    • lorymoreira disse:

      Ô que bonitinho! Eu estava dizendo a Cris que não sabia se minha família ia querer ir porque é tanta apresentação, tanta dança em 7 anos de aulas que vocês já deviam até estar enjoadinhas de me ver dançar. Que bom que você vai! Beijocas e até mais tarde.

  2. Vivi disse:

    ensaio fotográfico com a nova roupa,ok? Já tô esperando!
    bjbjbjbjbj

  3. Nat disse:

    Lory! Oi mulher! Achei um luxo as novidades. Também acho que a roupa tem que ser igualzinha. Cê sabe que antes até um detalhezinho na cor eu mudava, agora sou meio contra, sabia?
    E sobre a The Ubiquitous Mr Lovegrove, eu já coreografei ano passado pra um grupo e por isso tenho uma versão curtinha, mas charmosa, editei no audacity, rsrs. Quer que te mande por email? Quem sabe você não se anima a montar de novo.

    Beijocas.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s