Reconhecendo Estilos: esmaouni

A exibida e a singela ou, poderiamos também dizer, a extrovertida e a meiga.

Sharon Cohen – a exibida.

Mira – a meiga.

Isso deveria ser um Reconhecendo Estilos de sempre: a gente vê os dois vídeos, analisa as duas performances e tece comentários sobre eles. Mas hoje vamos fazer diferente?

Qual o papel que melhor se adere a você? O da bailarina mais exuberante e gostosona ou a mais delicada e princesinha? Por que? Em que situações? Em que condições de temperatura e pressão?

Acredito piamente que tendo propriedade disso, a gente se torna um artista melhor. A gente aprende a usar os nossos próprios recursos a nosso favor: aquele humor ácido, a mariposa apaixonada de Guadalupe, a Cruela-Cruel, a Rainha de Copas, a doidivanas, a mandona, a arrasa-quarteirão! Porque podemos ser várias ao mesmo tempo.

Bom, quem me conhece sabe: à primeira vista, sou mais recatada e isso costuma ser a marca de minhas performances de dança.

Sem forçar a barra, agindo naturalmente, faço aquele estilo menina comportada e borboletinha. E isso acontece dentro e fora do palco. Porque, quase sempre, sou tímida, retraída e quieta…

Mas me põe pra dançar um baladi? Todo meu exibicionismo pitoresco vem à tona. Nem sei onde ele fica alojado no dia-a-dia… talvez na rebeldia cotidiana, na urgência de mudar o mundo! Essas coisas que também vivem dentro de mim!

Quando estou dançando, e esse sentimento diferente chega, deixo que ele se revele. Essa também sou eu. Vivendo um outro momento, um outro sentimento. Uma outra bailarina.

Você faz isso também. Se ainda não faz, lhe garanto: pode e deve fazer.

É o poder da dança de fazer a gente se reinventar e se descobrir. Descobrir, inclusive, outros eus dentro da gente.

Chama seus outros eus pra um café e bate um papo com eles.

Olha, garanto a vocês: é beeeeeeeeeem divertido!

Anúncios

Sobre lorymoreira

Baiana, blogueira e apaixonada por música e dança árabe!
Esse post foi publicado em Uncategorized e marcado , . Guardar link permanente.

13 respostas para Reconhecendo Estilos: esmaouni

  1. Samara Leonel disse:

    Sou sempre a meiga, não tem jeito. Tem a ver com minha leitura, mas muito mais com minha personalidade e mania de perfeição – na exuberância se erra mais fácil e maior, né?
    Mas continuo procurando a exibida dentro de mim. Estou atrás dela desde 2009. A potência do meu quadril me jura que ela tá lá, em algum lugar, me esperando.
    Ainda acho.

  2. samya disse:

    Adorei os videos.
    Sou exibida so nos meus sonhos. Num tem jeito.
    bjos

  3. Vivi disse:

    Eu sou ‘filha’ da Fifi. Não precisa dizer com qual delas rolou mais identificação, né?
    rs…
    Mas noto que me contenho mais quando danço clássicas, ma non troppo. Se tiver um oba-oba no meio da melodia delas, minha tendência é ir prá galera. Não sou quieta no meu dia a dia, não poderia ser na dança.( Só com treino!rs)

  4. Elaine disse:

    Eu sou uma mistério para mim mesma enquanto danço, sempre aflora uma suavidade que está longe de existir no dia a dia, mas que eu adoro.
    Como público me conquista mais assistir uma dança “exibida” pois ela tem mais movimento, mais energia. No entanto, como bailarina, dificilmente saio da “meiga”.

  5. LuArruda disse:

    divertido e necessário! ô, e como!

  6. Daiane disse:

    Meiga, porém exibida, pode? Acho que conciliei,rsrsrs…

  7. Hanna Aisha disse:

    Então… minha dança costuma refletir meu estado de espírito e a reação do público (não vejo isso como uma vantagem), mas acho que costumo ser mais alegre.

    Observações sobre os videos:
    A primeira me lembrou muito a Orit; a roupa é um escândalo; acho que ela se empolgou demais.
    A segunda me representou mais o tarab; mas foi menos expressiva.

    Beijos

  8. Livia disse:

    Nosssa!!! Magnífico..
    Alguém sabe o que significa “esmaouni”!!!!!
    Me ajudem …estou enloquecida com essa música! Lory .PARABÉNS
    bjjsjsjsjsjs

    • lorymoreira disse:

      Eu tinha a tradução aqui em algum lugar. Vou procurar. Se achar, posto pra vc. Bj.

      • Livia disse:

        Aiii!!! vou morrer se vc achar…desde que vi esse seu post não consigo parar de ver Sharon cohen dançando…e a melodia da música mmmm….parece que m uma letra linda. A música me tocou muito. Pretendo dançá-la um dia…No estilo Sharon Cohen…EXIBIDAAAA!!!
        Parabéns novamente Lory!

      • lorymoreira disse:

        Achei.
        Esmaoouni = Listen to me = Escute-me

        Listen to me
        What do I say….listen to me
        Let’s forget what happened in the past
        Forget together the trickery of the time
        Listen to me
        What do you think?
        What do you say?
        It’s a shame and a thousand shames
        But what should I do

        In one night they met him, talked to him, asked him
        Asked him about my name, asked him about my love
        He said I don’t know him, didn’t meet him, didn’t see him, didn’t love him
        As if he doesn’t remember us, neither the love between us
        And our days together
        What did he say to you…don’t be shocked
        No one today remembers anything

  9. Livia disse:

    Lory! Vc é o máximo! Vou tratar de passar para o português!!! Bjjjj e obrigadaa!!!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s