Abdel Halim Hafez: o rouxinol da música árabe

Abdel Halim Hafez é outro grande intérprete e compositor da música árabe que merecia ser mais festejado pelas bailarinas de dança do ventre.

Nascido em 1929 foi um dos mais populares artistas de sua geração. Ficou conhecido como “el-Andaleeb el-Asmar” ou o “Rouxinol da Música Árabe”, mas, até chegar a esse status, teve uma vida bastante difícil: com o falecimento precoce de seus pais, foi criado em um orfanato e graças ao excelente desempenho escolar em música, conseguiu destaque e foi incentivado a estudar. Mais tarde, graças a amizade com o compositor Mohamed Abdel Wahab, tornou-se o maior e mais popular cantor egípcio e o primeiro homem a adotar o estilo romântico como principal direcionamento de sua carreira.

Com seu falecimento, em 1977, deixou como legado dezenas de obras riquíssimas e emocionantes como Bitlimoni Leih, Mawood, Sawah e Gana al Hawa.

Dançá-lo não exige mais comprometimento do que dançar Oum Khalsoum: ambos são representantes da alma egípcia e traduzem, com suas canções, o ideal romântico, patriótico e de fé de seu país de origem.

Suas peças musicais me tocam profundamente. Sua voz tem um poder de pausar o tempo, criando um sentimento de acalanto e amor profundo. Interpretar, através da dança, tamanho sentimento, é um desafio imensurável. No entanto, acredito ser extremamente possível e viável, além de aumentar o tão manjado repertório atual de músicas utilizadas nos eventos de dança do ventre.

Deixo aqui com vocês algumas sugestões de vídeos para estudo e dicas de CDs com peças mais viáveis para a prática da dança.

Sugestões de CDs:

Tribute To Abdel Halim Hafez – Jamal Zarzour

Instrumental Tribute To Abdel Halim Hafez – Ammar El Sherei

A Tribute to Abdel Halim Hafez – Cairo Orchestra

Best Of Abdul Halim Hafiz – Hossam Ramzy

Performances para inspiração:

Post dedicado especialmente a Samara Leonel – a maior apaixonada pelo Halim que eu já conheci até hoje.

Anúncios

Sobre lorymoreira

Baiana, blogueira e apaixonada por música e dança árabe!
Esse post foi publicado em Uncategorized e marcado , . Guardar link permanente.

9 respostas para Abdel Halim Hafez: o rouxinol da música árabe

  1. Nebtidi Mnain El Hikaya – Eu simplesmente amooooooooooooooo essa música!!!!

  2. Nebtidi Mnain El Hikaya – Eu simplesmente AMOOOOOOOOOOOOO essa música!!!! Me apaixonei quando vi essa mocinha aqui dançando…Vc tem a tradução dela???

  3. Samara Leonel disse:

    Matou a pau, Lory! Reunir Halim e Nour no mesmo post é covardia com meu coraçãozinho mezzo egípcio – não conhecia essa performance dela. Minha paixão por Halim não é mérito meu, foi paixão que me foi ensinada, na linguagem do amor, há muito tempo. Mas é preciso ser uma romântica incurável e idealista feito eu para manter essa paixão através dos anos… Muito obrigada por transformar assim meu dia. Saudades imensas desse teu sorriso doce. Beijos!

  4. Livia Carine disse:

    rs se a Samara Leonel é a maior apaixonada por Abdel Halim não sei…mas eu tbm amo! Ele é um dos meus queridos! A voz dele realmente é tocante e a musicalidade também das peças são muito boas! Confesso que gosto mais dele do que do Farid. Questão de gosto.
    Beijos!

    • lorymoreira disse:

      Eu tenho um coração grande porque amo os dois, mas se tivesse que ser fiel a um só, ficava com o Farid só por causa de Bnady Alaik… risos!

  5. Querida, eu estava pensando no Abdel tbm estes dias, lembrando que a gente vê poucas performances com sua músicas. Super 10 teu blog, está top de linha, com muito estilo e classe.
    Vou esperar pelo próximo ou próxima cantor(a) que irás homenagear.
    Não dei uma busca no teu blog, mas que tal George Wassouf, O Sultão do Tarab!

    • lorymoreira disse:

      Obrigada, querida. Tem mais coisa boa vindo aí. É só ficar ligada. Tento fazer posts semanais. Nem sempre dá, mas já já tô por aqui de novo. Beijos.

  6. Hanna Aisha disse:

    Oi, Lory

    Sabe que eu ainda não tinha pensado nisso? Sobre essa história da interpretação se parecida com a da Oum Khoulsoum, vc está certa. Show!

    OBS.: Achei o quadril da Omaris LINDO, mas tinha shimmie demais na performance, onde não cabia.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s